MÚSICA

Cena musical cearense ganha projeto com intérpretes de diferentes gerações em disco e show virtual

Confira o vídeo:





Foto: Reprodução/Facebook

Para interpretar e homenagear clássicos da canção cearense, os músicos Rodger Rogério, Téti, Davi Duarte, Edmar Gonçalves, Calé Alencar, Gilmar Nunes e Theresa Rachel se reuniram no disco Futuro e Memória 2, que está sendo lançando nas plataformas digitais. Também com composições inéditas de Rogério Franco e Dalwton Moura, o projeto inclui um especial audiovisual, gravado no Teatro da Casa de Vovó Dedé.

O maestro Luciano Franco é responsável pelo contrabaixo e pela elaboração dos arranjos, com contribuições de Rogério Franco e Dalwton Moura, e os três juntos, assinam a direção musical. No piano acústico, no teclado e no acordeom, Robson Gomes, na guitarra, Anfrísio Rocha e na bateria, Paulinho Santos. O disco conta também com Kátia Freitas, Paula Tesser, Adelson Viana, Nonato Luiz, Eudes Fraga, Paulo César Oliveira, além de vários outros instrumentistas. 

A primeira edição de Futuro e Memória foi lançada há três anos, também com disco, e reunia 14 artistas do Ceará. O projeto marca um encontro de músicos de diferentes gerações, em uma atmosfera de muita amizade e congraçamento, troca de experiências, além do surgimento de novas canções em diferentes parcerias. Mesmo com todas as dificuldades da pandemia, nos tempos de isolamento mais severo, o grupo se reunia virtualmente, não só para reforçar a união entre eles, mas principalmente, para fortalecer a produção musical do Estado. 

Diversos integrantes do grupo também realizaram shows musicais em forma de live, neste um ano e meio desde o início de tantas mudanças. Vários também participaram de festivais e campanhas solidárias em prol dos colegas trabalhadores da cultura, ao longo destes 18 meses de pandemia até aqui.

Entre os clássicos já confirmados no repertório estão "Retrato marrom" (Rodger Rogério/Fausto Nilo), na voz de Rodger; "Cidade" (de Edmar Gonçalves e Marcos Lupi), com Edmar; "À toa", de Davi Duarte, com ele; "Vento rei" (de Calé Alencar e Zé Maia), na voz de Calé.

O projeto conta com apoio do VIII Edital das Artes, da Secretaria da Cultura de Fortaleza (Secultfor) e segue medidas de prevenção à Covid-19.

Para conhecer, acesse: www.youtube.com/watch?v=BGgQTKTpeys&t=1535s

Facebook: www.facebook.com/futuroememoria
Instagram: www.instagram.com/musicadoceara



 




VEJA TAMBÉM