CIÊNCIA

Monitoramento constante de vírus e bactérias poderá evitar novas pandemias, afirmam cientistas

Confira o áudio:






A pandemia de COVID-19 tornou mais evidente a necessidade dos chamados sistemas de sentinela, que monitoram agentes patológicos a fim de evitar surtos ou mesmo prever futuras epidemias. Além de vírus como o SARS-CoV-2, porém, é fundamental monitorar também fungos e bactérias que ainda não possuem tratamentos eficazes e podem se espalhar. Esse foi o tema da 4ª Conferência FAPESP 60 anos, “Desafios à Saúde Global”, realizada ontem (22/09).

O evento teve como mediadora Helena Nader, professora da Escola Paulista de Medicina da Universidade Federal de São Paulo (EPM-Unifesp) e integrante do Conselho Superior da FAPESP.

Ouça na reportagem de Jorge Machado




VEJA TAMBÉM