ARTES

Selo Umbilical apresenta primeiro disco da cantora Fran Nóbrega
Lançamento conta com a direção musical de Michael Pipoquinha e as participações de Mestrinho, Salomão Soares, Rubinho Antunes e Paulo Malheiros


Selo dedicado aos novos artistas do jazz e da música brasileira lança primeiro disco da cantora Fran Nóbrega, com a direção musical de Michael Pipoquinha e as participações de Mestrinho, Salomão Soares, Rubinho Antunes e Paulo Malheiros.

Com o objetivo de lançar projetos musicais de novos artistas nacionais, assumindo todas as fases da produção, nasce a Umbilical, um pequeno selo focado nas mais variadas vertentes do jazz e da música brasileira. A primeira leva de artistas da gravadora está sendo lançada e no dia 26 de março, será a vez de Fran Nóbrega, com a direção musical de Michael Pipoquinha, chegar às plataformas digitais com o álbum "A Flor e o Tempo". Já foram lançados Elo, disco de Vitor Arantes Quarteto, o álbum Canções Sem Palavras de Libero Dietrich e o disco homônimo de Anderson Quevedo Trio.

Em seu primeiro disco, a jovem cantora apresenta canções do repertório popular brasileiro, bem como composições contemporâneas. Interpretando ritmos de corte clássico como o bolero, o samba e a balada, a jovem cantora demonstra que para brilhar não é necessário levantar a voz. Fazem parte do repertório as faixas A Flor e o Tempo (Alexandre Nóbrega), Entrega (Alexandre Nóbrega), Cai dentro (Baden Powell, Paulo César Pinheiro), Tudo pela música (Bá Freire), Neste mesmo lugar (Klecius Caldas, Armando Cavalcanti) e Dois Tempos (Khrystal). 

Na banda, Fran está acompanhada por Mestrinho na sanfona, Salomão Soares nos teclados, Ítalo Vinícius e Jonatan Carvalho Goes na bateria, Rubinho Antunes no trompete, Paulo Malheiros no Trombone, Ivan de Andrade no saxofone alto, Diego Lisboa nos saxofones tenor e barítono e o próprio Pipoquinha, com seu baixo virtuoso e também uma impecável aventura pelas cordas do violão, além de assinar a direção musical do projeto. Uma constelação de mestres talentosos e generosos que aquecem a estreia da cantora.

Nascida em Penápolis, interior de SP, Fran Nóbrega é de uma família de músicos (o próprio pai assina duas das faixas do álbum) e nunca arredou o pé do meio musical.  Começou os estudos de bateria e canto aos 12 anos, tendo ingressado no Conservatório de Tatuí aos 17. Daí em diante estudou com Lívia Nestrovski e Tatiana Parra, que já enxergaram o potencial da artista. Atuou como baterista no musical "Elza", que homenageia a clássica cantora brasileira Elza Soares. Tem no currículo também participações como no show Forró Jazz de Toninho Horta e do Projeto Fator Talento do Catraca Livre, ao lado de Mestrinho e Michael Pipoquinha.

Acesse:  www.youtube.com/channel/UChEO98wwZCnzjXvHUtfEdbQ

Sobre a Umbilical
A ideia de fundar uma gravadora que atuasse de forma completa surgiu da percepção das dificuldades que os artistas tinham ao produzirem sozinhos seus trabalhos. Foi então que o guitarrista e produtor musical de Barcelona, Magí Batalla, e o músico e produtor executivo paraibano Cleanto Neto, se uniram na criação da Umbilical. " Desenvolver o projeto em todas as fases com valor acessível é contribuir para que o artista se dedique mais ao estudo do instrumento e ao repertório, mantendo o foco na música", afirma Magí. "Garimpamos artistas em várias regiões, pois acreditamos que a Umbilical é mais do que um selo, é um espaço de troca, um catalisador de potencialidades", completa Cleanto.

Para cada artista, a gravadora disponibiliza a sua estrutura e recursos para a gravação do disco, planejamento e execução do projeto de divulgação incluindo a parte gráfica, vídeos, assessoria de imprensa, redes sociais, distribuição e agendamento de shows.




VEJA TAMBÉM



ARTES  |   03/12/2021 17h22





ARTES  |   02/12/2021 09h15